Pages Navigation Menu

12 de Novembro de 2014: início dos 30 dias de preparação para a Consagração Total! Envie seus dados por aqui…

Print Friendly

Seguindo os passos de São João Paulo II, chegamos agora ao auge da nossa 5ª Campanha Nacional de Consagrações à Virgem Maria. A primeira após a canonização deste Papa de Maria!  Milhares de pessoas espalhadas em grupos por todo o Brasil prepararam-se para fazer ou renovar a sua Consagração Total a Nosso Senhor Jesus Cristo, por meio de nossa Mãe Santíssima, pelo método de São Luis Maria Grignion de Montfort, no dia 12 de dezembro de 2014, Festa de Nossa Senhora de Guadalupe (ou datas próximas, por razões locais).

Vivemos um Momento Mariano na Igreja, pois:

  • No Grande Jubileu do ano 2000, São João Paulo II consagrou o Terceiro Milênio à Nossa Senhora.
  • No dia 13 de Outubro de 2013, o Papa Francisco consagrou o mundo ao Imaculado Coração de Maria.
  • No dia 27 de Maio de 2014, o Papa Francisco elevou João Paulo II, que tão bem viveu a Consagração à Virgem Maria , à glória dos altares, juntamente com João XIII..

Agora, cabe a cada um de nós tomar posse, pessoalmente, dessa Consagração, e consagrar-se à Virgem Maria. É isso que queremos fazer em 12 de Dezembro.

A CONSAGRAÇÃO ou RENOVAÇÃO da Consagração pode ser feita, de preferência, na Santa Missa, ou ainda de maneira privada.

Para que não reste nenhuma dúvida, por favor, leiam o texto abaixo.

 

QUEM PODE SE CONSAGRAR EM NOSSA CAMPANHA? 


Todos que se prepararam em grupo ou individualmente para fazer a Consagração Total à Maria Santíssima, pelo método de São Luis Maria Grignion de Montfort, no dia 12 de dezembro de 2014, ou ainda em datas próximas.

De forma geral, recomendamos não se consagrar e nem mesmo iniciar os 30 dias de preparação SEM A LEITURA COMPLETA do Tratado. Devido à importância e abrangência da Consagração não é possível realizá-la sem conhece-la bem. Além disso, a Consagração é feita uma vez na vida, portanto, é importante conhecê-la bem.

Esclarecemos também que a Consagração pode ser realizada em outro momento, após a leitura do livro. Ela pode ser feita em grupo ou individualmente, em data escolhida livremente.

Para quem ainda não tem o “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem”, ele poderá ser adquirido através dos links abaixo, em nosso material de apoio.

 

QUEM PODE RENOVAR A CONSAGRAÇÃO NA NOSSA CAMPANHA? 


Todos que já fizeram a Consagração Total pelo método de São Luis Maria Montfort, em absolutamente qualquer da data que tenha feito (a Consagração pode ser renovada, individualmente, todos os dias, inclusive).

A data da Renovação NÃO depende necessariamente da data da Consagração.

Recomendamos que aqueles que renovarem a Consagração façam também os 30 dias de orações preparatórias (embora não seja imprescindível, e quem por alguma razão não o fizer, poderá renovar tranquilamente).

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS


Aqueles que irão se consagrar ou tão somente renovar a consagração na Festa de Nossa Senhora de Guadalupe, devem iniciar os 30 dias de orações preparatórias no dia 12 DE DE NOVEMBRO.

As orações próprias estão indicadas no “Tratado” (n. 227-233), podendo também ser encontradas abaixo, em nosso material de apoio.

FALHEI DURANTE OS 30 DIAS: O QUE FAZER?


Recomendamos que, mesmo que haja alguma falha durante as orações preparatórias, que isso não seja motivo de desistência. Permaneça fiel e consagre-se.

O demônio odeia esta consagração total e poderá se utilizar de algum escrúpulo por não ter cumprido cem por cento os atos de preparação para, assim, incitar à desistência.

Além disso, a consagração é um ato interior, que não depende necessariamente dos atos exteriores de preparação.

No caso de uma queda em pecado mortal, que haja, evidentemente, arrependimento e se busque a Confissão o mais rápido possível, mas que isso também não seja motivo de desistência.

 

NO DIA DA CONSAGRAÇÃO, O QUE SE FAZ?


- deve-se oferecer algum tributo a Nosso Senhor e a Santíssima Virgem, em penitência

das nossas infidelidades e em sinal de dependência Deles. Poderá ser algum jejum, ou penitência, ou ato de caridade a um necessitado (ver Tratado, n. 232).

- deve-se utilizar um sinal físico da Consagração, a ser levado sempre junto consigo (Tratado n.236-242). São Luis sugere usar “pequenas cadeias de ferro”, mas evidentemente que este sinal pode ser substituído com algo mais compatível com o estilo de vida de cada um (como uma Medalha da Santíssima Virgem, um Escapulário, uma pequena corrente, um anel etc).

- para a Consagração, propriamente dita, deve ser escrita e assinada em uma folha a fórmula da Consagração (que pode ser encontrada em nosso Material de Apoio). Aqueles que irão se consagrar durante a Santa Missa, devem ler a fórmula rezando a respectiva oração após a homilia ou Comunhão. Trata-se de um tesouro que deve ser guardado com muito zelo.

IMPORTANTE: ENVIO DOS DADOS


Aqueles que quiserem participar da nossa Campanha FAZENDO ou RENOVANDO a Consagração, deverão enviar os seus dados, preenchendo o formulário no link abaixo, até o dia 09 de Dezembro de 2014 (os nomes serão oferecidos na Santa Missa):

https://docs.google.com/forms/d/1r4jut_aN9Yn47kbQPCsoZLu6wB6PWTw_OCqcOiVwXWQ/viewform

Os dados das crianças deverão ser enviados normalmente, da mesma forma que dos adultos.

Os coordenadores dos diversos grupos de preparação para Consagração deverão estar atentos para enviar os dados dos membros do grupo não tiverem acesso à internet.

MATERIAL DE APOIO


Temos à disposição:

  • Aulas do Pe. Paulo Ricardo explicando parte por parte do “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem” (aulas preparatórias para a Campanha de 2011) – versão on-line ou DVD

As dúvidas de todos poderão ser respondidas também pelo mail:  duvidas@consagrate.com

Site de referência: http://www.consagrate.com

“Por fim, o Meu Imaculado Coração Triunfará!”